(11) 5095-9494 | Whatsapp: (11) 98121-5591

Blog Tenda dos Tapetes

  • Hoje iremos falar sobre o tamanho ideal para o seu tapete. Na verdade não existe uma regra geral, mas daremos algumas dicas considerando questões práticas para o dia a dia.

    Vamos começar pela sala de jantar. O ideal é cada borda ter pelo menos 70cm a mais do que a área ocupada pela mesa, assim existirá espaço suficiente para arrastar as cadeiras sem que elas fiquem enroscando no tapete. Tapetes quadrados e redondos são ótimas opções para mesas quadradas, enquanto os tapetes retangulares ficam bem para as mesas retangulares e ovais. Outro detalhe muito importante é ter bom senso na escolha do material desse tapete. Prefira materiais resistentes a lavagens frequentes, como os de pura lã e o 100% em nylon.

    Na sala de estar, o tapete deve unir os móveis numa mesma decoração. Essa união pode se dar por completo ou parcial dependendo do gosto de cada um. Como verão na foto abaixo o tapete grande cria um efeito de conforto total e une todos itens da decoração, enquanto o tapete médio já deixa os abajures de for a, e o menor, foca mais na área central. Para esta área, um tapete confortável e macio é super indicado.

    Nos quartos, se for quarto de solteiro ou das crianças, os tapetes beira de cama atendem bem. Mas caso queira criar mais conforto, serve a regra da sala de estar em abraçar toda decoração. Nesse sentido, o tapete pode pegar praticamente a cama toda ou parcial. Como demonstrado na foto abaixo, tanto um tapete retangular quanto quadrado servirá. O importante é que o tapete esteja numa disposição que alcance tanto as laterais da cama quanto a frente.

  • Pazyryk... O primeiro tapete...

    Um dos tapetes mais bem conceituados do mundo, o Kilin traz consigo uma vasta bagagem histórica. Ninguém sabe com exatidão quando teve início a confecção de tapetes, mas na década de 40 uma expedição arqueológica à Sibéria escavou um cômoro de sepultamento real, encontrando tapetes com cerca de 500 a.C., dentre elas foram encontrados fragmentos de lã que formavam no chão sinais de desenhos geométricos de um tapete Kilin.

    Kilin é uma palavra de origem turca, cujo significado é dupla face. É um tapete que se pode usar de ambos os lados porque na sua confecção ao invés dos nós, são dadas laçadas por entre os fios da urdidura, como se fosse um bordado.

    As evidências mais significativas sobre a confecção e uso dos tapetes Kilins são através dos povos nômades do deserto, que utilizavam esta técnica para construção de tendas para se proteger do frio e do calor, além de usarem como sacos de armazenamento de grãos e sal.

    Hoje o Kilin é sinônimo de elegância, quebrando a monotonia, e dando um toque de requinte em qualquer ambiente.

    Os povos nômades se comunicam através do Kilin. Em seus desenhos eles expressam:
    anseios, conquistas, momentos de felicidade, crenças e sonhos, e o desejo de que este tapete seja o símbolo da felicidade em seu novo lar.

    Originalmente vindo do Oriente Médio, o tapete Kilin continua sendo tecido por povos nômades em vários países como Turquia, Paquistão, Irã, Rússia, China, Índia, e Marrocos.

    Os padrões dos tapetes Kilin podem incluir gráficos tribais, listras ou desenhos florais sutis. Cores da gama de tapetes Kilin da terra toneed browns, verdes e ferrugens.

    Adição de tapetes kilin à sua decoração pode infundir um toque internacional e eclético.

2 Produto(s)